Homem condenado a 15 anos por espancar Pit Bull

comsética vegan
Um homem de Macon, Geórgia foi condenado a 15 anos de prisão em Abril de 2011 após ter espancado o seu Pit Bull até à morte, em 2008.
Anthony Bernard Burke de 21 anos, também foi considerado culpado por tentar influenciar duas testemunhas e dar informações erradas à polícia.
O julgamento que começou na segunda-feira, tendo os jurados deliberado terça-feira, meia hora antes de revelar o veredicto. Durante o julgamento três testemunhas afirmaram que viram Burke bater no seu Pit Bull até à morte a 18 de Dezembro de 2008, após o Pit Bull ter escapado de uma correia que o mantinha preso. Burke usou a correia e uma enxada para atacar o Pit Bull. Durante a agressão o cabo da enxada acabou mesmo por partir. Após a agressão Burke saiu e quando voltou mais tarde acabou por dar um nome falso à polícia quando foi preso.
Ao ser libertado sob fiança, Burke ameaçou os vizinhos, avisando-os para não falar com a polícia. À esposa disse que se fizesse queixa o ataque diria à polícia que ela vendia drogas.
Os dez anos da acusação de Burke incluem a influência de testemunhas. Burke deverá ainda pagar uma multa de 20.000 dólares e 2.500 dólares em honorários.
Burke saiu sob fiança a 31 de Janeiro quando foi seleccionado pela primeira vez um júri para o seu caso, mas acabou por fugir durante a pausa para almoço, sendo capturado novamente a 28 de Fevereiro, permanecendo preso desde então.

 

The Humble Co

Escreva uma resposta ou comentário