Março 02 2022 2Comentários

Porque os vegan não usam lã?

O motivo pelo qual enquanto vegan não utilizo a lã, é porque ela é um produto de origem animal. De uma maneira simples bastaria isto, mas gostava de falar mais sobre o que está por trás da lã e das imagens fofas que nos chegam de animais felizes a ser tosquiados.

As ovelhas são aquele animal que nos acompanha desde pequenos, deve ter sido um dos primeiros animais que a minha filha identificou e que mais gostou (aparte dos seus irmãos felinos). Ainda hoje se delicia com as ovelhas e com histórias de ovelhas, adora que desenhe ovelhas e brincar com elas. Mas na escola também somos ensinados que as ovelhas nos dão (sim, é assim que se ensina na escola) a lã, o leite e a carne, mas não nos falam do que está por trás.

As ovelhas são animais muito inteligentes, com uma inteligência equiparável à vaca, são animais sociais, capazes de reconhecer até 50 rostos, reconhecem os seus bebés pelo chamamento e além do mais, uma ovelha pode viver até 12 anos em liberdade, ao contrário dos 5 anos que vive enquanto é explorada.

As ovelhas que são utilizadas para a produção da lã foram geneticamente modificadas, através de sucessivos cruzamentos que faz com que elas produzam maior quantidade de lã, causando é claro sofrimento, problemas de pele, sobreaquecimento e claro facilitam a propagação de parasitas.

É claro que a sobreprodução de lã obriga a que as ovelhas sejam tosquiadas e a sua prática não é simples nem indolor. A manipulação de uma ovelha para a tosquia causa-lhe stress e pânico. Os tosquiadores tentam tosquiar o maior número de animais no menor tempo possível e isso causa lesões e dores aos animais. Existe também uma prática chamada de mulesing onde é cortada uma parte de pele nas traseiras da ovelha para evitar que as moscas depositem ovos nos animais e evitar as larvas, claro que este procedimento é feito sem anestesia e causa muita dor e desconforto aos animais.

“A lã é um dos cinco produtos mais poluentes utilizados na industria da moda”

Mas agora há um revés! Não só os vegan são contra a lã, mas a indústria da moda também está focada em reduzir a sua utilização! A lã é um dos cinco produtos mais poluentes utilizados na industria da moda (claro que o primeiro é o couro) e por isso existe um pedido para que a industria da moda reduza a sua utilização pelo menos para 50% até 2025 e que sejam utilizadas alternativas naturais ou sintéticas. A produção da lã é três vezes mais poluente que o acrílico, e utiliza até 360 vezes mais terreno do que o cultivo de algodão.

Para produzir lã, é necessário criar os animais e isso polui a terra a vida aquática, além do stress que é viver em confinamento, a vida de uma ovelha não é muito diferente da vida de outro animal explorado, são constantemente inseminadas e os cordeiros separados das Mães à nascença. São utilizadas para a produção de carne e leite. O que conta mais é o lucro e o seu bem-estar é colocado em segundo plano.

Estes são alguns dos motivos pelos quais procuro alternativas à lã e a outros produtos de origem animal e hoje em dia existem imensas alternativas às fibras animais e as marcas cada vez mais procuram utiliza-las nas suas colecções. Desde fibras mais antigas como o algodão e o cânhamo até ao piñatex, tecido de cortiça e cogumelos, entre outros.

 

2 comments

  1. gostaria de estar actualizado com inf vegana
    obg

    Responder
  2. Artigo muito importante!

    A Vegan Nation tem trazido bastante consientização tambeém nesse ramo

    Parabéns pelo seu trabalho

    Responder

Escreva uma resposta ou comentário